Contatos em (51) 3061.9626

que tipo de curso posso fazer no intercâmbio?

Por Thiane Ceconi | há 4 meses - 12.10.2020

Neste post nós apresentaremos os tipos de cursos que você pode fazer no seu intercâmbio! São diversas opções para os diferentes perfis de alunos!

Há diversos tipos de intercâmbio e a maior diferença está no tipo de curso que você irá fazer. Conheça cada curso a seguir:

Idioma para fins gerais

É o famosinho “General English”. É, de longe, o intercâmbio mais conhecido e mais adquirido. A duração mínima é de uma semana e a carga horária varia bastante: há cursos de 1h/dia até 7h/dia! A carga horária é calculada por semana e o seu certificado irá incluir o total de horas que você estudou. As aulas podem ocorrer no turno da manhã, tarde ou noite, sendo o turno da manhã o mais adquirido pelos intercambistas, por possibilitar mais tempo para conhecer o destino escolhido. O assunto das aulas é a vida cotidiana, situações mais informais do uso da língua escolhida. Os níveis começam desde o super iniciante ao avançado, e os alunos são colocados nas turmas mediante um teste de nivelamento que ocorre antes de você chegar na escola ou no primeiro dia de aula. Em alguns países como a Nova Zelândia, Austrália, Irlanda e Emirados Árabes, é possível que você trabalhe enquanto estuda inglês, mas a duração do programa precisa ser de pelo menos três meses.

Idiomas para fins acadêmicos

O curso com fim acadêmico irá focar na escrita e compreensão em contexto acadêmico, então você vai aprender a tomar notas de aulas, debates, palestras e outras situações específicas do contexto universitário. É possível que você treine para exames de proficiência, mas o foco aqui é realmente o dia a dia universitário, como a prática de escrita de trabalhos, acompanhamento de aulas e exposição de ideias mais complexas. A carga horária é sempre maior do que o curso para fins gerais, porque é mais aprofundado e exige maior dedicação. Se você quer ingressar em uma instituição de educação superior no exterior mas não tem o nível de idioma necessário é possível que você possa cursar algumas semanas ou meses deste curso (também conhecido como Pathway), assim você dispensará a necessidade de fazer um exame de proficiência como o TOEFL ou IELTS. Este curso exige inglês intermediário-avançado na maioria das escolas. Algumas escolas determinam datas específicas de início no ano, mas em outras você pode começar em qualquer segunda-feira do ano.

Preparatório para exames de proficiência

Este curso é semelhante ao acadêmico, mas possui foco exclusivo em provas específicas de todas as línguas. Os preparatórios mais famosos para exames de proficiência de língua inglesa são TOEFL, TOEIC, IELTS e Cambridge. Os preparatórios para exames SIELE, DELE e CELU são os mais famosos para a língua espanhola. Da língua francesa os mais comuns são TEF, TCF, DELF e DALF. Da língua italiana estão disponíveis preparatórios para os exames CILS e CELI. Há também os preparatórios para os exames TOPIK, da língua coreana, DAF, da língua alemã e o HSK da língua chinesa. As aulas focam nas habilidades exigidas para obter maiores notas nesses exames e a realização de simulados é bastante frequente. Este curso exige inglês intermediário-avançado na maioria das escolas. Algumas escolas determinam datas específicas de início no ano, mas em outras você pode começar em qualquer segunda-feira do ano.

Idiomas para fins profissionais

O mais comum desta categoria é o Business English, que procura retratar situações do dia a dia do mundo dos negócios nas aulas, envolvendo os participantes em apresentações, leituras mais avançadas e precisão gramatical. No entanto, há diversas modalidades mais específicas, com foco no mundo jurídico, médico, aviação, marketing, comissários, entre outros. Este curso exige inglês intermediário-avançado na maioria das escolas. Algumas escolas determinam datas específicas de início no ano, mas em outras você pode começar em qualquer segunda-feira do ano.

Cursos para professores

Estes cursos têm bastante carga horária pois objetivam certificar professores para dar aula de alguma língua estrangeira. A duração mínima é de 02 semanas (inglês) e você precisa começar o curso em datas específicas. Ao final do curso, desde que finalizado com êxito, você receberá uma certificação internacional de ensino de língua. Os cursos mais conhecidos são TESOL, CELTA, DELTA, TEFL, CLIL, LEP, DITALS, TECSOL/TKT, entre outros.

Cursos técnicos

Cada país tem a sua nomenclatura, mas os cursos técnicos estão por toda parte. Diferentemente do Brasil, muitos permitem apenas aqueles que já terminaram o ensino médio, o que garante uma idade mais madura no aproveitamento das aulas. A duração mínima é de 07 meses e há apenas algumas datas de início no ano. Algumas instituições exigem exames de proficiência oficiais e outras possuem testes de nivelamento próprios, então vale confirmar cada detalhe com um consultor da USB! Os cursos são nas mais variadas áreas, mas há alguns que são disponibilizados em maior volume em alguns países. Os cursos mais comuns na Austrália são nas áreas de: Contabilidade, Design de Moda, Design Gráfico, Educação Infantil, Empreendedorismo, Fotografia, Gastronomia, Hotelaria, Liderança e Gestão, Marketing, Negócios, Personal Trainer e Vendas. No Canadá são Administração, Comércio Exterior, Empreendedorismo, Hotelaria e Turismo, Marketing, Negócios, Serviço Ao Consumidor e Vendas. Na Nova Zelândia há muitos cursos nas áreas de Contabilidade, Computação, Negócios, Sistemas de informação e Turismo.

Graduação

O famoso “bacharelado” aqui do Brasil também é possível no exterior. Outra opção interessante para quem deseja estudar nos Estados Unidos ou Canadá é o Associate Degree, que seria um curso de dois anos que abre as portas para um bacharelado na área de concentração do curso. Ao fim dos dois anos você escolhe se vai seguir e finalizar um bacharelado ou se vai parar por aí. É necessário fazer um exame de proficiência para ser aceito em cursos de graduação e muitas vezes é exigida uma média alta nos estudos do ensino médio.

Pós-graduação

A duração é bastante variada: de 08 meses à 02 anos. Além da pós-graduação lato sensu que conhecemos aqui no Brasil, também é possível cursar MBAs, Mestrados e Doutorados. O processo seletivo para a pós-graduação pode exigir cartas de recomendação e sempre exigem uma média boa no histórico da graduação. Se você tem interesse no Canadá, confira algumas opções aqui aqui, aqui, aqui e aqui

Há também o programa de Ensino Médio, sobre o qual você pode se informar aqui.

Gostou? Quer saber mais sobre algum dos cursos? Entre em contato com a gente pelo Whatsapp clicando aqui ou preencha a nossa ficha de contato!